O que são Criptomoedas e como investir com segurança?

Você já se perguntou o que são criptomoedas? A mais conhecida até o momento é o Bitcoin, porém há muitas outras por aí, cada uma delas é negociada, gerando muito dinheiro para os investidores.

Econommia

Criptomoedas

Publicado em

O Que são Criptomoedas - Como investir

O que são Criptomoedas e como investir com segurança?

Você já se perguntou o que são criptomoedas? A mais conhecida até o momento é o Bitcoin, porém há muitas outras por aí, cada uma delas é negociada, gerando muito dinheiro para os investidores.

Os ganhos obtidos com a compra dessa criptomoedas são por sua valorização depois da compra. Elas tendem a aumentar o valor no mercado financeiro, trazendo lucro para os investidores.

Se você não conhece como funciona ela no mercado, vamos apresentar aqui.

O que são Criptomoedas?

As criptomoedas são muito diferentes das moedas comuns, elas são digitais e não podem ser impressas em algum papel por algum governo. No caso do real e do dólar é possível, negociadas em papel e digital

Diferente da moeda comum, as criptomoedas são completamente digitais. Além disso, elas não precisam de um intermediário para entregar a outra pessoa, porque existe outro meio de negociação que faz isso.

Provavelmente o mundo será dominado pelas criptomoedas, ainda mais por não precisar confiar em terceiros para transferir dinheiro.

Para que servem

A finalidade da moeda digital são as mesmas das moedas comuns. Sendo assim, elas facilitam transações, é um meio de troca e reserva de valor.

Diante desses benefícios, é notado que ela pode ser deixada para futuras compras e para rendimento. Porém, a sua volatilidade ainda é um problema, porque a moeda cai e aumenta de preço rapidamente.

O que é mineração?

Não há como saber o que são criptomoedas sem saber o que é mineração. O processo das criptomoedas envolve um código muito complexo que cada uma possui, quase que impossível ser roubada.

Esses códigos são uma criptografia única para cada negociação, quando é feita uma transação, não há um intermediário. Então cada unidade de moeda deve ser registrada e validada por um grupo de pessoas que as gravam usando computadores.

Todo o registro de transações é chamado Blockchain, nele é registrado cada uma, e para garantir se não é a mesma, é analisado conforme o que está registrado.

São exatamente os mineradores que registram cada transação no Blockchain. Sendo assim, eles conferem através de seus computadores se as operações não são repetidas e faturam criptomoedas em troca.

As criptomoedas mais comuns mineradas são:

  • Bitcoin

  • Bitcoin Cash

  • Ethereum

  • Tether

  • Ripple

  • Litecoin.

Como investir em criptomoedas

Para investir em Bitcoins é necessário se cadastrar em uma plataforma especializada. Elas são corretoras que são camadas de exchanges.

Uma das formas que podem ser usadas, sendo simples, é a cota de fundos. Esse jeito de negociação foi permitido pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Assim pode ser adquirida no exterior, mas de modo indireto.

Toda a forma de investimento em criptomoedas é em carteiras disponibilizadas pelas corretoras. O valor mínimo para começar um negócio pode variar de cada uma.

Pode ser investido um determinado valor em fundos e deixar por conta de um gestor que saberá o que fazer com mais profissionalismo.

Conclusão

Conhecer criptomoedas é muito importante para quem gosta de usar o dinheiro sabiamente para render no mercado. Embora haja riscos, como qualquer forma de investimento, os ganhos podem ser altos.

Gostou dessa informação sobre criptomoedas? Temos outras no mercado financeiro em nosso blog. Na dúvida pode fazer uma pergunta a respeito.


COMPARTILHE

Resumo do Mercado